Sobre a peça

Teatro Show com desconto

Uma das bandas precursoras do rock’n roll no Brasil, o Made in Brazil é símbolo de longevidade e personalidade na música. Com 50 anos de estrada, é a banda brasileira em atividade há mais tempo, sustentando status de lenda e patrimônio histórico do cenário rockeiro nacional.

São 50 anos ininterruptos.Formada em 1967, no bairro da Pompéia, na cidade de São Paulo, pelos irmãos Oswaldo Vecchione e Celso Vecchione, lançaram seu primeiro álbum em 1974, pela RCA. Intitulado “Made in Brazil”, o trabalho inaugural chamou atenção pelo estilo enérgico e foi considerado um dos melhores discos de rock da década.

A partir de então, foram vários discos lançados (quinze discos, ao todo), como “Jack, O Estripador” (1975), “Paulicéia desvairada” (1978) e “Minha Vida É Rock’n Roll” (1981), álbum que marcou a consolidação do baixista Oswaldo como vocalista, função que assume até hoje. O disco “Massacre” e os shows da tour, de 1977, foram censurados e proibidos na época pelo regime militar.
A união do Rock’n’roll e diversas influências, onde as letras e os arranjos se comunicam facilmente com qualquer tipo de público, são características de uma das bandas de rock mais antigas, em atividade no país, a Made in Brazil.

O Made in Brazil passou e atravessou diversos movimentos musicais em sua trajetória. Com influências das bandas inglesas que vão de Rolling Stones, Kinks, Animals, Who e Yardbirds até bluezeiros clássicos, o grupo paulistano é reconhecido por sua pegada clássica, a lá “Chuck Berry”, com musicas dançantes e letras irreverentes, como manda a cartilha do Rock.

Os quinze discos de sua discografia oficial evidenciam as marcas do tempo, mas surpreendem ao revelar conexões interessantes, entre as cinco décadas de sua criação, mostrando que o grupo está atento as novas sonoridades, mas conectado com o puro rock que a fez surgir ao final da década de 60.

Para festejar os 50 anos do grupo, esse ícone do rock nacional, volta aos palcos brasileiros, nos shows da Tour 50 Anos, brindando e festejando com seus inúmeros fãs espalhados pelo pais, levando seu rock, alegre e dançante, num espetáculo vibrante, cuja única missão é de divertir os espectadores.

Nesses shows comemorativos, o grupo paulistano faz um apanhado consistente de sua obra, reunindo algumas das mais importantes músicas que já compôs e outras pouco experimentadas.O repertorio foi idealizado especialmente para essas comemorações, de uma das peças fundamentais do rock brasileiro, o Made in Brazil.

Um dos fatos curiosos que cercam a trajetória do Made diz respeito às constantes mudanças em sua formação. Por esta razão, pediu o recorde mundial, junto ao Guinness, da banda de rock em atividade com o maior número de formações do mundo – ao total, foram mais de 200, onde atuaram ate o momento 127 músicos. A banda continua na estrada capitaneada pelos irmãos Oswaldo e Celso, sendo que Oswaldo é o único integrante que nunca deixou a banda.

Agora em 2018, o Made cai na estrada, e roda o Brasil com o show de lançamento de seu novo disco o CD (duplo) Rock Festa e aproveita também para lançar o DVD (triplo) com o mesmo nome. anos.

O show, traz composições de autoria da banda paulistana, verdadeiros clássicos como “Anjo da Guarda”, “Paulicéia Desvairada”, “Minha Vida é Rock”n”Roll”, “Jack o Estripador”, “Os Bons Tempos Voltaram” e “Uma Banda Made in Brazil”, além de “Gasolina”, “Vou te virar de ponta cabeça” e outras.
No palco:

Oswaldo “Rock” Vecchione (vocal, baixo, gaita e guitarra)

Celso “Kim” Vecchione (guitarra e baixo)

Rick “Monstrinho” Vecchione (bateria)

Guilherme “Ziggy” Mendonça (guitarra e violão)

Solange A. Blessa “Sol” – (vocais de fundo)

Octavio “Bangla” Lopes (sax)

Rubens “Rubão” Nardo (vocais de apoio)

Convidados:

Tiago “Mineiro” Tavares (teclados )

Localização